Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado do Paraná
telefone:
(41) 3224-9163

Principais conquistas e desafios da entidade

A partir da implantação de um modelo profissional de gestão, empenho e combatividade de suas lideranças, o Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado do Paraná galgou diversas conquistas nestes 40 anos de história. E, apesar da crise que se abateu sobre o setor nos últimos anos, as vitórias neste período foram significativas. Confira:

a

Busca pelo aumento da competitividade

A busca por inovação e competitividade no setor de transformados plásticos e reciclagem é uma prioridade compartilhada com todos os associados. Por meio de capacitações, participação em congressos, feiras, missões e visitas técnicas — além de parceria com diversas entidades e associações, com destaque para o Sistema FIEP, SENAI –PR e Abiplast —  o sindicato avança a cada ano.

 

Horizontal color image of female hands holding a digital tablet in a modern plastic production line. Ordering on-line from injection moulding factory on a touchscreen tablet computer. Large factory, industrial machines, robots and manufacturing equipment arranged on clean and shiny flooring in background.

Agenda para diminuição de tarifas

A energia elétrica é um dos maiores custos para a indústria de transformação. Os reajustes nas tarifas e a bandeira vermelha dos últimos anos dobraram os valores das taxas de energia no Paraná e muitas indústrias ficaram inviabilizadas de arcar com esse custo. Discutir alternativas de redução do serviço e criar uma agenda de negociação, que beneficie o segmento no estado, tem sido uma constante.

 

images (3)

Conquista de crédito presumido do ICMS

Por meio de um esforço coletivo, o Simpep conquistou no final de 2014 benefício fiscal para alguns setores do plástico, proporcionando crédito presumido do ICMS. O clima de diálogo e receptividade junto ao Governo do Estado está sendo trabalhado constantemente, tendo como meta a ampliação deste benefício aos outros setores, além da manutenção da conquista.

 

 

reciclado

Pioneirismo na implantação do Programa de Logística Reversa

O Simpep é um dos primeiros sindicatos no Brasil a avançar efetivamente na Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), tendo como importante recurso a Central de Valorização de Materiais Recicláveis (CVMR), rm operação na Região Metropolitana de Curitiba e Maringá. Até o final do ano de 2017, novas unidades estão previstas em Londrina, Cascavel, Francisco Beltrão, Guarapuava e área de influência de Ponta Grossa.

A ação é resultado da iniciativa público-privada, liderada pelo Sindibebidas, em parceria com o Simpep e outras entidades parceiras, além da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que resultou em investimentos na ordem de R$ 20 milhões. Cada central atenderá a localidades que estão em um raio de 100 quilômetros da unidade-sede, estando ao alcance de 80% dos municípios paranaenses.

Trata-se de uma alternativa oferecida às indústrias para que possam aderir, corretamente, a esta lei de extrema relevância e obrigatória para as indústrias, sob o aspecto legal. Além de beneficiar o meio ambiente, retirando de circulação embalagens vazias, a Central de Valorização de Materiais Recicláveis é um forte instrumento social, pois estimula o associativismo/cooperativismo e a melhora a renda dos catadores. São eles que recolhem as embalagens e levam para as cooperativas, onde é feita a triagem.

 

images

Luta pela isonomia tributária

A isonomia tributária do setor plástico é outra grande luta da entidade. De acordo com pesquisas do IBGE, cerca de mil empresas compõem a indústria de materiais plásticos do Paraná, que juntas promovem 25 mil empregos diretos, representando 8,3% do total de estabelecimentos no país. Isso significa que o setor está em terceiro lugar em quantidade de estabelecimentos, sendo o quarto maior empregador da categoria, atrás apenas de São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. A redução da alíquota tributária para as empresas do Paraná poderá ampliar a competitividade, em relação aos demais estados, especialmente à São Paulo e Santa Catarina, onde há benefícios fiscais para empresas do setor plástico.

 

14671276_1680009432327984_8210637587412448255_n

Incentivo à qualificação por meio da criação da Escola de Plástico e Polímeros

Com o objetivo de suprir a necessidade de mão de obra especializada na indústria plástica, o SENAI, em parceria com o Simpep, inaugurou a “Escola do Plástico”, em 2012, no município de São José dos Pinhais. A unidade é uma conquista  importante e  ferramenta de qualificação profissional, ofertando uma variedade de cursos profissionalizantes. São 4 mil m², com mais 20 laboratórios destinados à aprendizagem industrial.

 

fsdfdwf

Serviços de consultoria especializada

Por meio de convênio de cooperação com o SENAI/PR – Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná, as  empresas associadas ao Simpep tiveram a oportunidade, com incentivos do sindicato, de realizar diagnóstico das necessidades de adequação de seu parque fabril às novas exigências da Norma Regulamentadora NR-12 – que determina regras de segurança dos trabalhadores na operação de máquinas e equipamentos. Além de desconto de 50% do custo de mercado oferecido pelo Senai, o Simpep ofereceu subsídio no valor de R$ 3 mil para todas a empresas associadas em dia com as suas obrigações.

simpep-56Ampliação da infraestrutura

Em 2016, a entidade investiu na ampliação da sua sede com a compra de nova sala. Os associados terão novos espaços para reuniões, com toda a infraestrutura disponível para realização de capacitações e treinamentos, além de pequenos eventos sociais.

 

 

Sucesso na negociação com o Scarteiraindicato dos Trabalhadores

O Simpep vem mantendo um excelente relacionamento com o Sindicato dos Trabalhadores, resultando em negociações produtivas e adequadas à realidade das indústrias do Estado do Paraná. Neste processo, a competente atuação da Comissão de Negociação vem sendo decisiva, incentivando um clima de respeito mútuo entre as partes.

 

 

images (5)

Inteligência na prestação de serviços

O setor demanda forte articulação política, em esferas mais amplas de interesse, como também serviços estratégicos como informações atualizadas de mercado, treinamentos, consultoria jurídica, econômica e fiscal, além de auxílio em questões trabalhistas, gestão e negociação. O Simpep tem incrementado constantemente estes serviços e criado condições de incentivo para que todas as indústrias se beneficiem.

 

ess

Gestão e troca de informações

O Simpep realiza reuniões periódicas de Presidência, Diretoria e de Comissões onde são discutidos contextos de mercado e melhores práticas a serem repassados aos associados. A proposta é ampliar ainda mais o nível de conhecimento em diversos temas relacionados ao segmento, incentivando também a participação ativa dos profissionais de RH. Encontros sistemáticos com as equipes de Recursos Humanos das indústrias são promovidos regularmente, ampliando a interação e a troca de conhecimentos entre os associados em busca da eficiência e do aumento da competitividade das indústrias.

 

news3

Fortalecimento de toda a cadeia produtiva

A reciclagem de material plástico vem ganhando espaço e gerando empregos no Brasil. A criação de empresas nesse setor cresce a um ritmo de 5% ao ano, totalizando, em 2014, mais de mil, espalhadas em todo o País. É de 6% ao ano a expansão do número de empregos na atividade. De acordo com mapeamento da indústria de reciclagem realizado pela Fundação Instituto de Administração da Universidade de São Paulo (FIA), estima-se que, no Brasil, foram retiradas do meio ambiente 681 mil toneladas de resíduos plásticos pós-consumo, que originaram mais de 615 mil toneladas de materiais reciclados. Nesse contexto, juntamente com a ABIPLAST, o Simpep segue trabalhando em projetos para o desenvolvimento segmento de reciclagem e fortalecendo a cadeia produtiva do setor como um todo.

 

novo222

Manutenção do diálogo

Com parte importante na participação do PIB, o Simpep mantém diálogo transparente com diversas instâncias governamentais, outros sindicatos estaduais, além de ter participação e voz ativa nas Câmaras Setoriais da ABIPLAST, em busca de amenizar os principais entraves ao crescimento das indústrias do setor de transformação do plástico.

Localização

Edifício New York Building
Rua João Negrão, 731 – terceiro andar, conjunto 301

Centro, Curitiba – Paraná.

CEP: 80010-200

(41) 3224-9163