Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado do Paraná
telefone:
(41) 3224-9163

Plástico de cana é destaque da Brasilplast

Em uma feira sobre plásticos, quem promete chamar a atenção é a cana-de-açúcar. É dela que vêm polímeros feitos de etanol mostrados por grandes empresas do setor na Brasilplast, que começa hoje e vai até o dia 13.

A sustentabilidade também foi tema do maior evento mundial da indústria do plástico, a Feira K, em Dusseldorf (Alemanha), em 2010.

A Braskem deve levar para a Brasilplast exemplos de um mercado mais robusto para esse tipo de material. No ano passado, a empresa abriu fábrica de eteno derivado de etanol.

Na feira, vai mostrar todo o ciclo de produção do polietileno verde.

“O Brasil tem potencial para produzir 250 mil toneladas/ano desse tipo de polímero. Pode-se ampliá-la produzindo etanol com bagaço da cana”, diz Anderson Maia, coordenador de produtos e projetos da Cromex, empresa de aditivos e pigmentos para plástico.

A Cromex, que também estará na feira, afirma só utilizar produtos sem substâncias consideradas danosas.

Outra preocupação de expositores é como reduzir custos e tempo de produção, afirma a diretora do evento, Liliane Bortoluci.

A alta tecnologia, porém, vem dos EUA e de países europeus, diz Bortoluci. “Os fabricantes são nacionais, mas grande parte do material que vem para a indústria é importado.”

O site da associação de bioplásticos do Japão, país considerado por especialistas um dos mais avançados na produção de plásticos verdes, traz uma lista de substâncias que são consideradas inofensivas ao ambiente.

Fonte: Folha de S. Paulo

 

Localização

Edifício New York Building
Rua João Negrão, 731 – terceiro andar, conjunto 301

Centro, Curitiba – Paraná.

CEP: 80010-200

(41) 3224-9163