Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado do Paraná
telefone:
(41) 3224-9163

Guerra cambial se fortalece e G-20 tenta assegurar estabilidade de preços

Enquanto alguns países adotam medidas que visam enfraquecer suas moedas, outros, exportadores, enfrentam dificuldade para competir. Segundo Guido Mantega, ministro da Fazenda, a guerra cambial está mais clara agora e a desvalorização das moedas complicou a situação.

Ainda de acordo com o ministro, alguns países não reconhecem a existência de uma guerra cambial e querem evitar qualquer referência ao assunto. A rodada de medidas de estímulo mais recente provocou novas acusações de que alguns países buscam ganhar vantagem ao impulsionar suas exportações às custas das exportações de outros países.

Por conta da situação, os Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), estão tentando estabelecer um banco de desenvolvimento, que poderá entrar em operação em um período de um ano. Em relação ao Brasil, Mantega disse que a taxa de inflação neste ano deverá ficar abaixo do nível de 5,85% visto em 2012 e que permitir uma apreciação do real para conter os preços não é uma solução.

Diante das dificuldades, o G-20 (grupo formado pelas 20 principais economias do mundo), que se reuniu na última semana, decidiu assumir a responsabilidade de assegurar que suas ações de política monetária objetivem a estabilidade de preços, em vez do enfraquecimento de moedas.

Fonte: Guia Marítimo

Localização

Edifício New York Building
Rua João Negrão, 731 – terceiro andar, conjunto 301

Centro, Curitiba – Paraná.

CEP: 80010-200

(41) 3224-9163