Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado do Paraná
telefone:
(41) 3224-9163

Casa de plástico reciclável é montada em Campo Grande

Cada vez mais técnicas de construção, que minimizam os impactos no meio ambiente, vêm ganhando força no Brasil. Construir uma casa de plástico é uma destas ideias. Além de ajudar na preservação do meio ambiente, a alternativa proporciona economia da mão de obra e materiais, praticidade e rapidez na montagem, pouquíssimo resíduo e canteiro de obras sem sujeira, além do custo inferior se comparada a uma construção convencional. Tudo isso, priorizando qualidade, estética e conforto na habitação.

A casa está sendo implantada pela organização do Morar Mais por Menos para atender demandas internas do evento de arquitetura, paisagismo e decoração que acontece de 2 de outubro a 11 de novembro na Capital. A estrutura será o escritório da mostra até pouco antes de sua inauguração.

Trata-se de uma casa pré-fabricada com esqueleto metálico que proporciona a resistência e durabilidade necessárias em obras de construção civil, e paredes de placas de plástico 100% reciclado. O produto chegou a Mato Grosso do Sul ano passado e tem como outras vantagens, a durabilidade e a facilidade de limpeza. A construção da casa no terreno do proprietário pode ser feita em até um dia, estando o local preparado de acordo com as imposições do fabricante.

A construção vai ao encontro de conceitos da Morar Mais por Menos como a Sustentabilidade, já que utiliza como matéria-prima o plástico reciclado, retirando do meio ambiente produtos que podem levar até 200 anos para se degradar; e Tecnologia e Inovação, apostando em um sistema que ainda não é popular nos lares brasileiros. “Os ideiais do Morar Mais não são apenas para os profissionais que vão expor no evento. Eles também se tornam práticas desde a organização e preparação da mostra,” defende a diretora de negócios da edição Campo Grande, Jucelma Rocha.

Segundo o engenheiro José Antônio da Silva, representante da CTEC Engenharia, empresa parceira do evento, “a construção de plástico é a cara do Morar Mais Por Menos por ser ecológica, prática e econômica. É ideal para arquitetos, empresários, já que pode ser usada como instalações temporárias, substituindo os conteiners e os tradicionais “barracos” de madeira, e até mesmo como residência, uma vez que aceita todos os tipos de revestimentos tanto externos como internos. Exemplo disso são as unidades hoteleiras do ECO HOTEL Vale das Nuvens, localizado em Guaramiranga, no Ceará”. Além disso, o modelo se adapta a outras funções, tais como: Chalés, Lojas, Quiosques, Guaritas, Banca de Revistas e Estandes.

Morar Mais por Menos Campo Grande

De 2 de outubro a 11 de novembro os sulmatogrossenses vão conferir um evento de arquitetura, decoração e paisagismo diferenciado: o Morar Mais por Menos . A mostra tem em seu DNA os conceitos: brasilidade, sustentabilidade, inclusão social, customização e tecnologia e inovação. Tudo aplicado com muito bom gosto e preocupação com a economia. Arquitetos, decoradores, designers de interiores e paisagistas apresentarão suas ideias em mais de 70 ambientes distribuídos em uma área de aproximadamente 5.350m², localizada na Rua da Paz, n° 342. A realização da mostra será do Grupo DNZ Participações, composto por empresas na área de comunicação, responsáveis por grandes eventos nos segmentos de varejo, esporte, cultura e arquitetura.

Fonte: MS Notícias

Localização

Edifício New York Building
Rua João Negrão, 731 – terceiro andar, conjunto 301

Centro, Curitiba – Paraná.

CEP: 80010-200

(41) 3224-9163